Gestação: cuidados com a pele

Cuidados com a pele na gestação

Gestação: o que pode ser feito nesse período?

A gestação e os cuidados de beleza que se pode ter nesse período sã cercados de dúvidas, por isso vamos tratar desse assunto hoje. 

A família está esperando aquele bebê, compra brinquedinho, ursinho, carrinho, todo mundo se preparando e a mulher grávida pensa assim: “meu Deus! Meu cabelo cresceu e a raiz está aparente. O que eu faço com a minha pele? E com as unhas? Que shampoo eu posso usar? O que eu posso ou não fazer na gravidez? 

Então aqui vai uma lista, feita de acordo com a literatura médica, de mitos e verdades sobre pele e gestação.   

Hormônios da gestação

Em primeiro lugar é preciso saber que a grávida está inundada de hormônios. Tem muito estrogênio, muita progesterona e isso faz com que a circulação da grávida seja 6 vezes maior do que de uma mulher normal, ou seja, tudo permeia mais na pele da mulher grávida. 

Então se eu colocar um creme nessa pele, ele vai absorver muito mais do que numa pele não gravídica. 

Então vamos às dicas! 

Hidratantes

Pode ser usado qualquer hidratante que contém ureia 10%, glicólico até 3%, 4%. Esses hidratantes de mercado, normais, todos são permitidos durante a gravidez. 

Shampoos 

Os shampoos também são permitidos durante a gravidez, mas aqueles que não contenham chumbo, amônia ou outras substâncias que são tinturas de cabelo, principalmente no primeiro trimestre da gravidez. 

É nesse primeiro trimestre que o sistema neural do feto está em desenvolvimento e, como a grávida permeia muito mais os princípios ativos, a indicação é para não usar shampoos, tinturas ou descolorantes que tenham substâncias à base de chumbo ou amônia. 

Depois do primeiro trimestre se quiser fazer uma tintura do cabelo pode. Descoloração eu não aconselho. 

Peelings

Os peelings químicos devem ser evitados, por conta da permeabilidade da pele da grávida. Tudo que for química mais forte no rosto deve ser evitado. 

O que é permitido são os peelings físicos, ou seja, peeling de cristal, para remover o excesso de queratina e deixar a pele mais luminosa. 

Isso é totalmente indicado e recomendado para mulher grávida. 

Os peelings químicos mais fortes, no qual ocorre uma descamação muito grande da pele, tem que ser avaliado pelo médico, se realmente há necessidade de se fazer esse procedimento durante a gravidez. 

Laser 

Durante a gravidez nós podemos perceber a presença de foliculite, que é pelo encravado, e muitas pessoas querem fazer o laser de pelos nesse período. E pode fazer? Pode! 

O laser é uma luz unidirecional que atinge a pele só naquele local, ou seja, ele não vai atingir de maneira alguma o feto, nem a grávida. Desde que o obstetra também esteja de acordo, o laser é totalmente permitido durante a gravidez. 

Outros métodos depilatórios, como lâminas e cera, também são permitidos durante a gravidez. 

Estrias na gestação

Todo mundo se preocupa demais com as estrias e quer saber o que pode ser feito para que elas não apareçam. 

Acontece que não dá para prevenir se você vai ter estrias ou não. 

As estrias são consequência de um estiramento da pele. A pele sofre o alargamento das fibras elásticas com o aumento da barriga e elas podem se romper, formando as estrias

Uma alimentação adequada e um aumento de peso adequado ajudam a prevenir o maior número de estrias, mas a pele ela vai aumentar de qualquer forma, porque precisa que o bebê aumente de peso e tamanho. 

Os tratamentos de estrias, se elas ocorrerem durante a gravidez, devem ser feitos  após o término da gravidez. 

Normalmente as estrias aparecem no último trimestre de gestação, que é quando ocorre o maior crescimento do bebê e o maior alargamento da pele. 

Essas estrias são vistas normalmente na região da barriga, em volta do umbigo, na região das coxas e, às vezes, na região dos braços. 

O que nós recomendamos é, após o período da gravidez, no segundo ou terceiro mês, começar o tratamento das estrias. E esse tratamento pode ser feito durante a amamentação. 

As estrias conseguem ser reversíveis se indicados tratamentos precocemente. Quando elas estão vermelhas nós conseguimos uma reversão parcial do estiramento da pele com cremes e tecnologias adequadas. 

Quando a estria já está branca significa que já teve uma fibrose da pele e o tratamento já não é tão eficaz. 

Então você que está grávida ou está amamentando e tem algumas alterações de pele, dúvidas sobre o que pode e o que não pode fazer, entre em contato com seu dermatologista ou agende uma consulta aqui na clínica.

O dermatologista é o profissional certo para tirar as dúvidas e dar dicas para você ter uma gravidez em uma lactação saudáveis. 

Sem categoria

como cuidar da pele na gestaçãocremescuidados com a peleestriasgestaçãohidratanteshormônioslaserpeelingquando tratar as estrias da gravidezshampootratamentos de pele na gravidez

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *